Home » Textos » Aos “advogados” e futuros advogados, leitores dessa coisa aqui…
abr
22
Tempo de leitura: 6 minutos

Oi gente!!

E aí vai mais 1,eeee… Sei que tem gente que vai querer minha cabeça
por causa dele, mas.. Fazer o que, né? Uma cabeça a menos, uma cabeça a
mais, de vez enquando…
De qualquer forma, se quiserem arrancar a minha, esperem eu viver mais
uns 100 anos primeiro, certo? Depois podem se divertir a vontade..

Bom, vamos ao texto:


Você está dirigindo em um deserto e vê o fernando Collor de um lado da
estrada e do outro um advogado, quam você atropela primeiro? R: O Collor,
primeiro a obrigação,
depois o divertimento. Você está em um quarto com o Collor, PC Farias, um
advogado e um 38 com 2 balas, em quem você atira? R: No advogado, 2 vezes.
O advogado,
no leito da morte, pede uma Bíblia e começa a lê-la avidamente. Todos se
surpreendem com a conversão daquele homem, e uma pessoa pergunta o motivo.
O advogado doente
responde: “Estou procurando brechas na lei”. Certo dia estavam dois homens
caminhando por um cemitério quando se depararam com uma sepultura recente.
Na lápide lia-se:
“Aqui jaz um homem honesto e advogado competente”. Ao terminar a leitura
um virou-se para o outro e disse: “Desde quando estão enterrando duas
pessoas na mesma cova?”
Você sabe como salvar cinco advogados que estão se afogando? R: Não –
ótimo! Um homem entra num escritório de advocacia e pergunta sobre os
honorários para consultoria.
– Cinqüenta dólares por três perguntas – responde o advogado. – Mas não é
um pouco caro? – pergunta o homem. – Realmente é – responde o advogado.
Qual é sua segunda
pergunta? Um açougueiro entra no escritório de um advogado e pergunta: –
“Se um cachorro solto na rua entra num açougue e rouba um pedaço de carne,
o dono da loja
tem direito a reclamar o pagamento do dono do cachorro?” – “Sim, é
claro” — responde o advogado. ” Então você me deve 8 reais. Seu cachorro
estava solto e roubou
um filé da minha loja” Sem reclamar, o advogado preenche um cheque no
valor de 8 reais e entrega ao açougueiro. Alguns dias depois, o açougueiro
recebe uma carta
do advogado, cobrando 200 reais pela consulta. Custas processuais é aquilo
que o advogado cobra do cliente, além do que foi combinado. Em uma noite
chuvosa, dois
carros se chocam em uma estrada. Um pertencia a um advogado, o outro a um
médico. Ao sair de seu automóvel, o médico, preocupado, se dirige ao carro
do advogado
e pergunta se ele está ferido, examina-o brevemente e constata não haver
nada de grave. Só então os dois passam a verificar o estado dos carros e
como se deu a batida.
Chegam a conclusão de que não havia como escapar do acidente na -8-

#
situação em que tinha acontecido: a estrada estava molhada, escura e mal
sinalizada. Como, todavia, o advogado já tinha ligado para a policia
rodoviária, resolveram
ficar esperando enquanto a viatura não chegava, para avisar aos policiais
que cada um ia assumir seus prejuízos. Conversa vai, conversa vem, o
advogado vai ficando
íntimo do médico e até lhe oferece uísque. O médico aceita, bebe três
goles longos e pergunta: – “E você, amigo, não vai beber?” O advogado
responde: – “Só depois
que a policia chegar”. Dois advogados, pai e filho, conversam: – “Papai!
Estou desesperado. Não sei o que fazer. Perdi aquela causa!” – “Meu filho,
não se preocupe.
Advogado não perde causa. Quem perde é o cliente!” O filho, advogado
recém-formado, chega todo sorridente para contar a novidade ao pai,
advogado titular do escritório:
– “Papai, papai! Em um dia, resolvi aquele processo em que você esteve
trabalhando por dez anos!” O pai aplica um safanão na orelha do filho e
berra: – “Idiota!
Esse processo é que nos sustentou nos últimos dez anos!” P.: Por que a
Ordem dos Advogados proíbe relações sexuais entre advogados e seus
clientes? R.: Para evitar
que seus clientes sejam cobrados duas vezes por um serviço essencialmente
similar. P.: Por que as piadas de advogado não funcionam? R.: Porque os
advogados não acham
graça em nenhuma delas e as outras pessoas não acham que são piadas. Em
outra audiência, o juiz pergunta ao réu: – “O senhor não trouxe o seu
advogado?” – “Não,
meritíssimo! Eu não tenho advogado. Resolvi falar a verdade!” Qual a
diferença entre uma pulga e um advogado? R: Um é um parasita que suga seu
sangue até o fim,
e o outro é um inseto. Dois peões estavam caminhando pela beira de uma
estrada poeirenta, voltando de uma das fazendas onde haviam trabalhado
duro o dia inteiro,
quando o filho de um famoso juiz, que vinha a toda a velocidade na sua
picape importada, atropela os dois com toda a violência. Um deles
atravessou o para-brisa
e caiu dentro do carro, enquanto o outro voou longe. Três meses depois
eles saíram do hospital e, para surpresa geral, foram direto para a
cadeia. Um por invasão
de propriedade alheia e o outro por se evadir do local do acidente.

-9-

#
Boas notícias: Um ônibus cheio de advogados caiu do abismo. Mas notícias:
Tinham três cadeiras vazias. O que você precisa quando tem cinco advogados
enterrados até
o pescoço no concreto? R: Mais concreto. Qual a diferença entre um
advogado e uma cebola? R: Você chora quando mete a faca na cebola. Quais
são as três perguntas
mais feits pelos advogados? R: 1. Quanto dinheiro você tem? 2. Onde você
pode conseguir mais? 3. Você tem alguma coisa que pode vender? O que você
tem quando cruza
um advogado com um bibliotecário? R: Toda informação que você precisa, mas
você não vai entender uma palavra do que ele diiser. Como foi inventado o
fio de prata?
R: Dois advogados brigando por uma moeda. Um advogado e o Collor pulam de
um edifício de 100 andares, qual chega primeiro? R: Quem se importa? Qual
a diferença entre
um advogado e um peixe-gato? R: Um vive nas profundezas se alimentando de
lixo e o outro é um peixe. Qual a diferença entre um advogado e uma
sanguessuga? R: A sanguessuga
vai embora quando sua vítima morrer. O que acontece quando você enterra
seis advogados na areia até o pescoço? R: Falta areia. A Madame abriu a
porta do puteiro
e se deparou um homem alto de pele morena. – No que posso ajudá-lo? –
perguntou a Madame. – Gostaria de ver a Natalie – disse o homem. – Senhor,
Natalie é uma de
nossas meninas mais caras… O senhor não quer ver outra de nossas
garotas? – Não, eu quero a Natalie – disse ele. Minutos depois, apareceu
Natalie para explicar
ao homem que ela iria cobrar R$1.000,00 pela visita. Sem pestanejar, o
homem mete a mão no bolso e tira um maço de dez notas de R$100,00 e
entrega à moça. Então,
os dois subiram para um dos quartos e depois de uma hora o senhor saiu
muito tranqüilo e feliz. Na noite seguinte, o mesmo senhor apareceu de
novo querendo ver Natalie.
Natalie então disse que era muito raro para qualquer visita duas noites –
10 –

#
seguidas e que nem iria pensar em desconto. Novamente o homem enfiou a mão
no bolso e tirou outras dez notas de R$100,00 e, na companhia de Natalie,
subiu para um
dos quart os e depois de uma hora ele se foi. Quando apareceu pela
terceira noite seguida, ninguém podia acreditar. Novamente entregou
R$1.000,00 a Natalie e foram
os dois para um dos quartos, para mais uma hora. Quando terminaram, não se
contendo de curiosidade, Natalie perguntou para o homem: – Ninguém nunca
requisitou meus
serviços por três noites seguidas. De onde você é? – De Sorocaba –
respondeu o homem. – É sério? – disse ela – Minha família é de lá. – Eu
sei – disse o homem –
Seu pai faleceu e sou o advogado de suas irmãs. Elas me pediram que lhe
entregasse sua parte da herança, R$3.000,00… Moral: Há duas coisas no
Mundo que não têm
pena da gente: a morte e um advogado… Certa tarde, um bem sucedido
advogado estava sendo conduzido em sua limusine para seu sitio, quando
observou dois homens
maltrapilhos comendograma ao lado da estrada. Ele ordenou imediatamente ao
motorista que parasse, saiu do veículo e perguntou: – Por que vocês estão
comendo grama
? – Porque nós não temos dinheiro para comprar comida, respondeu um dos
homens. – Bem, você pode vir comigo para o sítio disse o advogado. –
Senhor, eu tenho uma
esposa e três filhos aqui. – Traga-os também replicou o advogado. – E
quanto ao meu amigo?! O advogado virou-se para o outro homem e disse: –
Você pode vir conosco
também. – Mas, senhor eu também tenho esposa e seis filhos, disse o
segundo homem. – Eles podem nos acompanhar também, disse o advogado
enquanto se dirigia de volta
à limusine. Todos se acomodaram como puderam na limusine, e quando já
estavam a caminho, um dos acompanhantes disse: – O senhor é muito gentil.
Obrigado por levar-nos
a todos com o senhor. O advogado respondeu: – De nada !!! Vocês irão
adorar meu sitio. A grama esta com quase um palmo de altura !!!!!


E então? Comentem, arranquem minha cabeça se quiserem!eeee..

Abração

Fernando

Please follow and like us:

Add reply

RSS
Follow by Email